10 legumes de antigamente para redescobrir na sua horta.

Por muito tempo acreditamos que as cenouras eram cor de laranja, os tomates vermelhos e os nabos redondos. De há alguns anos para cá que certos legumes esquecidos voltaram a ser descobertos. Vemos, em mercearias e supermercados, mais formas imperfeitas e nomes desconhecidos, ou espécies que relacionamos com tempos mais difíceis como os da privação de alimento durante a guerra. Os grandes Chefes parecem amar estes legumes de antigamente, redescobertos agora pelo seu sabor surpreendente ou pelos benefícios que trazem para a saúde. Aqui fica uma lista dos 10 legumes de antigamente que vai querer cultivar e comer num piscar de olhos.

 

1. Legumes de antigamente: Cenouras coloridas

Roxas, amarelas, brancas ou até pretas, estas Cenouras coloridas provêm de variedades antigas e são primas da Pastinaga. Cada uma delas tem um sabor específico. As mais alaranjadas, de coração avermelhado, são doces e suculentas. As roxas têm um sabor um mais forte enquanto que as amarelas ou brancas são mais suaves. Prepare-se para uma possível surpresa psicadélica, ao cortar uma destas cenouras ao meio, nunca se sabe o jogo de cores que poderá encontrar por dentro!

 

2. Pastinaca

Este legume de raiz branca tem parecenças com a cenoura e o seu sabor é suave e doce, com um toque de avelã. Embora sofra de algum preconceito, este é um alimento rico em fibras, vitamina B9 e antioxidantes que pode ser comido cru numa salada ou bem cozido em purê ou sopas.

 

3. Batata roxa

Uma variedade de formato oblongo, irregular, com uma pele púrpura e espessa. A sua cor escura deve-se aos pigmentos ricos e antioxidantes. De consistência firme, mantém a cor roxa quando cozida e poderá trazer cor e sabor às suas saladas de Verão.

 

4. Rutabaga

Brassica napobrassica ou Nabo Sueco, não confundir com Ruibarbo, é da família das Couves e uma espécie de cruzamento entre o Nabo e o Repolho. Um dos poucos legumes fáceis de encontrar durante a I e a II Grande Guerra, foi durante muito tempo considerado como um alimento de último recurso. Agora, está a voltar em força! A sua raiz redonda é rica em fibras, vitamina C e potássio e as suas propriedades beneficiam a digestão. Pode ser comido cru ou cozido e é muito apreciado pelo seu sabor suave e um certo travo a Noz.

 

5. Escorcioneira

Esta é uma raiz comestível de pele escura e interior branco e carnoso. Rico em vitaminas, C e E tem propriedades diuréticas, depurativas e laxantes. Pode ser consumido cru, ralado por exemplo, ou cozido em forma de purê.

horta_em_casa_potager_balcon_vegetable_garden
Kit Horta em Casa

Tudo o que precisa para começar a cultivar.

SAIBA MAIS SAIBA MAIS

 

6. Legumes de antigamente: Cerefólio Tuberoso

Cultivada pelos lavradores franceses de meados do século XIX, esta raiz com sabor a Castanha caiu no esquecimento e reapareceu novamente no final do século XX. Da família da Cenoura e do Aipo, tem um sabor suave e pode ser consumida crua ou cozida, em purê ou assada.

 

7. Alcachofra chinesa

Este é um tubérculo asiático de aspeto duvidoso, parece a uma lagarta branca e inchada! Um produto frágil que exige cuidados especiais, como ser colocado num pano cheio de sal para ser esfolado. Deve ser bem lavado e pode ser consumido cozido.

 

8. Alcachofra de Jerusalém

Campeão de nomes diferentes, o Tupinambo, a Batata da índia, o Girassol batateiro ou Alcachofra da terra é um tubérculo suculento e doce com um sabor entre a Batata e a Alcachofra. Excelente fonte de potássio, ferro, fósforo e vitaminas A, B e C pode ser cozinhado no forno, gratinado com noz moscada ou reduzido a puré.

 

9. Cardo

Planta de jardim similar à Alcachofra, o Cardo é rico em potássio, cálcio e fibras. Cultiva-se pelas suas hastes de folha comestível, e deve ser comido cozinhado, seja cozido, gratinado, salteado, frito, ou até numa omelete.

 

10. Legumes de antigamente: Rábano

Este é daqueles legumes erradicados depois da Guerra, no entanto parece que agora veio para ficar. Rico em fibras, vitamina B9 e C, bem como potássio, pode ser consumido cru, é delicioso ralado e servido com molho de soja, mas pode também ser cozido e utilizado em sopas com como acompanhamento.

 

légumes_anciens_legumes_de_antigamente_old_vegetables_03

 

Que legumes de antigamente cultivar na Horta?

Se ficou com vontade de cultivar algum legume de antigamente na sua Horta Noocity, recomendamos que comece pelas Cenouras coloridas, a Pastinaca, o Rábano ou a Rutabaga. As sementes destes legumes não são tão fáceis de encontrar, mas pode encomendar online por exemplo no site da Graines Baumaux.
A Pastinaca deve ser semeada de Março a Junho para uma colheita entre Agosto e Setembro. Precisa de um solo fértil e bem drenado, assim como de boa exposição solar.

Experimente as Cenouras Lunar White, que se semeadas de Fevereiro a Abril podem ser colhidas entre Junho e Agosto. A Rutabaga não cresce bem em clima muito quente, pode ser plantada no início da Primavera ou Verão e a sua colheita ocorre apenas 6 meses depois. O Rábano cultiva-se facilmente e cresce, acima do solo, em local luminoso e num substrato rico em matéria orgânica. Uma vez semeado em Abril ou Julho poderá colher Rábanos até Outubro.

 

Ficou interessado?

Receba as novidades do nosso blog e descubra todos os casos de sucesso